Lã virgem

 

Lã virgem

 

Uma mulher foi a uma loja comprar uma camisola de lã. Quando saiu, reparou que numa outra loja da mesma rua havia uma camisola igual, mas mais barata.

 

Voltou à loja e falou com a vendedora:

 

– Desculpe, mas na outra loja há uma camisola igual e muito mais barata!

 

– Mas minha senhora, esta é de lã virgem!

 

– Por este preço eu não quero saber o que as ovelhas fazem à noite!!

 

Regime de loira

 

A loira foi no médico de regime pois queria perder uns quilinhos. O doutor lhe passou uma dieta infalível:

 

– Você segue este regime por um dia e pula dois, depois reinicia e pula mais dois dias, e por aí vai. Te garanto que em 15 dias você perde pelo menos 5 quilos. – disse o doutor.

 

Quinze dias depois volta a loira ao consultório, 15 quilos mais magra.

 

– Nossa! vejo que seguiu o regime à risca! – diz o doutor espantado.

 

– É, doutor, mas eu quase morri!

 

– De fome?

 

– Não! De tanto pular.

 

A paciente invisível

 

A recepcionista da clínica psiquiátrica entra na sala do médico e diz:

 

– Doutor, há uma mulher na sala de espera que diz ser invisível!

 

E o psiquiatra:

 

– Então diga-lhe que agora não posso vê-la!

 

Avião novo

 

Manoel resolve comprar um avião. No primeiro dia de viagem ele ouve a torre de controle:

 

– Quem está a comandar o avião?

 

– É o Manoel.

 

– Em que posição é que se encontra?

 

– Sentado.

 

– Não é isto. Qual é a sua altura?

 

– Um metro e setenta e cinco.

 

– O pessoal na torre já irritado e preocupado. – Não, Não isto. A rota?

 

– Ooooooorrrrrrrrrrrrr…

 

Duas notícias ruins

 

O médico telefona ao doente e diz:

 

– Artur, já tenho aqui os seus exames.

 

– E então, doutor? Tudo bem?!

 

– Bem nada, meu caro! Tenho duas notícias para lhe dar: uma delas ruim e outra muuuuito ruim.

 

– Ah doutor, não me diga… Então vá, primeiro a menos ruim!

 

– Você tem apenas 24 horas de vida!

 

– 24 horas? Oh meu Deus, não pode ser! – depois de alguns segundos.

 

– E a outra doutor, a muito ruim?

 

– Tentei ligar-lhe ontem durante todo o dia, mas dava sempre ocupado!

 

Corno sem noção

 

Depois de tomar todas, o bêbado recorre a um amigo para levá-lo para casa. Chegando lá, em sinal de agradecimento, ele convida o amigo para tomar a saideira.

 

Assim que o amigo entra, o bêbado percebe que todos já estão dormindo e começa a lhe apresentar sua casa:

 

– Esta aqui é a sala… ali fica a cozinha… aqui é o quarto dos meninos… aqui é o quarto das meninas… aqui é o meu quarto… aquela ali é minha mulher… e aquele ali sou eu!

 

Família especial

 

Conversa entre o psiquiatra e o seu paciente:

 

– Então diga lá qual o seu problema?

 

O paciente, um bocado encolhido, diz a custo:

 

– Sabe, estou preocupado com o meu futuro. A história já vem de longe: Meu pai gostava de homens… meu avô também…

 

– E o seu bisavô?…

 

– … Também…

 

– Então não há na sua família ninguém que goste de mulheres?

 

– Bem… sabe… pois… que me lembre só a minha tia Maria!

 

Distração

 

Uma senhora foi ao médico com queimaduras de segundo grau nas duas orelhas.

 

– Mas como é que a senhora conseguiu queimar as duas orelhas? – perguntou o médico, indignado.

 

– Ora, doutor! – explicou a mulher. – Eu estava entretida a passar as minhas roupas a ferro, quando de repente tocou o telefone. Ao atendê-lo, distraidamente achei que o ferro fosse o telefone e encostei-o à orelha.

 

– Mas isso explica apenas uma das queimaduras!

 

– Pois… a outra foi quando eu tentava ligar para o senhor!

 

Morte da esposa

 

Estava uma pessoa procurando um lugar para se sentar nas arquibancada de um estadio de futebol. Quando encontrou um lugar vazio mas com uma blusa no acento, então perguntou o homem ao lado:

 

– Porque você esta ocupando dois acentos?

 

– Esse lugar é meu. Eu comprei-o para minha esposa quando ela era viva!

 

– E então porque é que você não convidou algum amigo, um vizinho, um parente ou um conhecido?

 

– Eu convidei mas eles preferiram ir no velório!

 

Um grande homem

 

Um turista que gosta muito de história chega em uma cidade de interior e pergunta a um mineiro:

 

– Já nasceu aqui algum grande homem?

 

– Não senhor. Aqui só nascem criancinhas.

 

No Campo e na Cidade

 

– Na minha terra, – dizia o camponês, – mulher só tem direito a três frases por dia:

 

a) Xô, galinha!

 

b) Cala a boca, criança!

 

c) A comida tá na mesa!

 

Engraçado, na cidade também é assim, – dizia o outro – só mudam as frases:

 

a) Bota o lixo lá fora!

 

b) Me dá o cheque!

 

c) Hoje não, tô com dor de cabeça!

 

Sogras

 

O cara chega pro amigo e fala:

 

– Minha sogra morreu e agora fiquei em dúvida. Não sei se vou trabalhar ou se vou pro enterro dela… O que é que você acha?

 

E o amigo:

 

– Primeiro o trabalho, depois a diversão!!!

 

* * *

 

Querido, onde está aquele livro: ‘Como viver 100 anos?’

 

– Joguei fora!

 

– Jogou fora? Por quê?

 

– É que a sua mãe vem nos visitar amanhã e eu não quero que ela leia essas coisas!

 

* * *

 

O homem leva um susto ao ouvir de sua cartomante:

 

– Em breve sua sogra morrerá de forma violenta.

 

Imediatamente ele pergunta à vidente:

 

– Violentamente? E eu? Serei absolvido?

 

* * *

 

Qual a punição por bigamia?

 

R: Duas sogras